Seguindo STF, Dilma veta regulamentação de financiamento privado de campanhas

 

A presidenta Dilma Roussef vetou, nesta quinta-feira (24), o financiamento empresarial de campanhas que havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados no mês passado. A expectativa é que a medida seja publicada até a próxima segunda-feira (28) no Diário Oficial da União.

A decisão de Dilma acompanha a do Supremo Tribunal Federal (STF) que, poucos dias antes, já havia declarado a inconstitucionalidade das doações com uma larga vitória de 8 votos contra e 3 a favor.

Apesar da decisão, o ministro Gilmar Mendes declarou que quer reabrir a votação sobre a constitucionalidade do financiamento, alegando que a vigência da doação não ficou definida e assim, todas as outras eleições no Brasil passariam a ser anuladas.

Em contrapartida, o gabinete do presidente do STF, o ministro Ricardo Lewandownki, afirmou que a decisão já esta valendo para próximas eleições de 2016, conforme sugere a ata de julgamento da ação.

Deixe uma resposta