Tam.Texto

Plataforma participa de debate sobre a Reforma Política em São Paulo

 

Na última segunda –feira (1), na capital paulistana, a Escola de Governo  realizou uma análise de conjuntura sobre  atual momento, tendo como principal questionamento : “ Qual a Reforma Política que as ruas clamam”?

 

Com participação do Movimento Passe Livre, Mães de Maio, Central de Moradias, Vereador Nabil Bonduki e o representante da Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma Política, Luciano Santos, o debate contou com uma ampla análise sobre as últimas movimentações e as respostas do Poder Executivo sobre os anseios populares, principalmente no que envolve a discussão sobre a Reforma Política.

Para o representante da Plataforma, a proposta de Reforma Política precisa contemplar mecanismos de democracia direta aliada com uma pauta que transcenda às mudanças no sistema eleitoral.

“Para a Plataforma dos movimentos sociais pela Reforma Política, o Plebiscito é um instrumento fundamental para a participação da sociedade sobre a construção desta reforma, contudo, precisamos avançar nas pautas dessa discussão, não podemos pensar somente na reforma política como um processo de mudanças no sistema eleitoral, precisamos ampliar, também, para a construção de mecanismos de  participação popular nos espaços de decisão política no Brasil”, afirma Luciano Santos